CAIXA DE TRANSFERÊNCIA - CTCV-150

Aplicações: 

A caixa de transferência modelo CTCV-150, é uma tomada de força integral com saída dupla que foi desenvolvida especialmente para uso em caminhões ¾” (PBT 8.000 kg) equipados com bombas de vácuo, bombas de alta pressão, bombas hidráulicas, bombas d’agua, etc., permitindo também acionar outros equipamentos auxiliares conforme a necessidade do cliente.

Descrição:

A caixa de transferência transmite a força de motor do veículo para atuar no equipamento auxiliar à ser acionado.

Sistema de montagem direta nas saídas da caixa sendo uma saída lateral cada lado, podendo ser direcionada para frente ou para trás da caixa.

A caixa de transferência substitui o uso do motor estacionário. Sua instalação requer a interceptação do cardã do veículo sendo a mesma posicionada entre o câmbio e o diferencial. Sua fixação é através de suportes laterais presos ao chassi do caminhão onde a mesma é sustentada sobre 04 coxins reforçados de borracha evitando assim transmitir possíveis vibrações para o equipamento à ser acionado.
Sua construção robusta a deixa isenta de manutenção, somente sendo necessário repor o óleo quando necessário.

Pode ser instalada em qualquer caminhão ¾” (PBT 8.000 kg), equipada com três cilindros pneumáticos internos, permite a facilidade de realizar todo o controle de engate / desengate de dentro da cabine do caminhão favorecendo um conforto e rapidez ao operador.


Especificaçoes:
Entrada:

Potência máxima de entrada: 200 cv
Rotação máxima de entrada: 2500 rpm
Torque máximo de entrada: 100 kgfm
Eixo de entrada: Ø 49,5 – estriado 16 Z


SAÍDAS AUXILIARES:

Potência de saída: 150 cv ( 75 cv cada saída )

Qde. de saídas: 02 ( p/ frente ou p/ trás)
Eixo de saída central: Ø 49,5 – estriado 16 Z
Eixos de saídas laterais: Ø 40 – chaveta 3/8”
Sentido de rotação: Oposto à entrada

Relação de rotação: 1.25 : 1


LUBRIFICAÇÃO:

Óleo utilizado: SAE 90
Qde. de óleo: 5,0 litros
Peso: (c/ suportes de fixação) 150 kg


Principais vantagens da caixa de transferência em relação ao motor estacionário.

1.) Eliminação do sistema de acionamento auxiliar. ( motor estacionário )

2.) Redução do custo/benefício na aquisição do sistema com caixa de transferência.

3.) Não ocupa espaço sobre o chassi do veículo permitindo uma montagem com melhor aproveitamento e estética do conjunto “caminhão/equipamento”.

4.) Alívio de peso sobre o caminhão permitindo um tanque com volume maior para o caminhão.

5.) Redução da poluição sonora, neste caso utilizando somente um motor estacionário quando acionando até duas bombas.

6.) Capta e retransmite a plena potência do motor do caminhão desde que não exceda 200 CV de entrada.

7.) Utilizando uma entrada de potência, converte em duas saídas podendo ser acionadas simultaneamente não excedendo 75 CV cada saída da caixa.

8.) Redução “drástica” na manutenção seja preventiva ou corretiva do motor auxiliar. Na caixa de transferência somente se completa o óleo quando necessário.

9.) Facilidade para variação de rotação simplesmente alterando a marcha engatada do veículo.

10.) Desenvolvida e fabricada totalmente pela “CENTER VAC” sendo assim mais um produto totalmente confiável e quando necessário provida de todas as peças em estoque para possível reposição.